As formiguinhas

Começo esta semana de novembro com o tema das formigas.

 

formigasElas têm muito a nos ensinar quando se trata de introduzir a comunicação intuitiva com animais no Brasil. Há anos venho me dedicando a este trabalho, com cursos, palestras, consultas, um livro e 4 Cd’s publicados. Até que, recentemente, iniciei o projeto de formar comunicadores profissionais no Brasil, um verdadeiro e autentico sonho a se tornar realidade! Confesso que nesses anos todos, desde que comecei com este trabalho no Brasil, me deixei desanimar não apenas uma vez…

É aí que entram as formiguinhas: estar à frente de uma escola é uma tarefa e tanto! Explico: o ser humano é um bichinho complexo e muitas vezes complicado também, cheio de gostos e idéias, conceitos e conhecimentos. Muitas vezes o ser humano tem dificuldade de colocar uma meta e seguir em frente sem se deixar interromper pelos obstáculos garantidos que surgem em qualquer caminho de aprendizado. Sem mencionar as projeções inevitáveis: no professor, no trabalho, nos colegas. E sem falar também no saudável espírito crítico, sempre pronto a ver o que falta em vez de ver o que tem!

Bem, dito isto, voltemos às formiguinhas: trabalham incansavelmente pelo seu objetivo. Não param porque o terreno é acidentado, porque está chovendo, ventando, tem muito sol ou muito frio. Elas simplesmente fazem o que se propõe a fazer e vão atravessando os obstáculos um a um, minuto a minuto, dia após dia.

É um exemplo e tanto, vocês nao acham?

Amo as formigas e entre tantos outros animais e seres que me inspiram a seguir em frente, sem dúvida elas estão em primeiro lugar. Graças a elas em breve vamos ter comunicadores formados no Brasil e numa escola brasileira! Neste momento a história vai mudar e para melhor! Pois quanto mais humanos estiverem fazendo este trabalho maravilhoso por aqui, mais a realidade da nossa relação com os animais vai mudar e evoluir e a tão necessária cura nas relações homem- animal vai se instalar.

Uma formiguinha só não faz verão, mas um exército de formiguinhas é capaz de mover montanhas!

Sinto-me bem feliz por ousar começar a formar este “exército do bem” por aqui.

E viva as formiguinhas… que parecem seres pequenos e frágeis…!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *